FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
 Assine a revista PONTO M  
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Boa madrugada! Sexta-feira, 14 / 12 / 2018
BUSCAS
Mulher usa filhos menores no tráfico de drogas

Data da notícia: 2018-12-05 11:28:23
Foto: Divulgação
Todos os envolvidos foram conduzidos até a Unisp, onde foi registrada a ocorrência
No início da noite de segunda-feira (3), o Núcleo de Inteligência do 3º Batalhão de Polícia Militar encerrou as atividades de mais um comércio das drogas em Vilhena. Desta vez, o alvo do NI foi uma residência no bairro Cohab. Um total de 5 pessoas foram conduzidas, sendo uma menor de idade.
A informação que a polícia tinha é que duas casas do Conjunto Açaí, estavam sendo usadas para o tráfico de entorpecentes. Era do conhecimento da PM que um dos traficantes se chamava “Porto Velho”. Sua vizinha, M.A.S. de de 33 anos, também fazia a venda de drogas, mas utilizava os filhos menores de idade para ajudá-la no “negócio”. Diante disso, passou-se a fazer o monitoramento dos locais.
Na noite de segunda-feira, o NI viu a hora que um homem chegou ao portão da casa de “Porto Velho” e bateu palmas, mas não foi atendido. Em seguida, ele se dirigiu ao portão de M.A.S. e logo foi recebido por um dos menores. Diante disso, o NI abordou o homem quando ele saía da casa, e encontrou com ele um invólucro de crack, além de um cachimbo artesanal.
Junto com duas guarnições do Patamo (Patrulhamento Tático Móvel), o NI fez buscas nas duas residências. Na de Porto Velho foi encontrada uma arma de fogo calibre 22 e, na de M., foi encontrado um rifle de pressão do mesmo calibre, além de 67 parangas de crack. Um policial viu quando a filha de M.A.S. uma garota de 14 anos, jogou em cima do telhado o frasco onde a droga estava.
Além dos entorpecentes e das armas, foi apreendida também uma quantia de R$ 157,00 em espécie, que possivelmente era do comércio de drogas. No quarto, junto com a menor, estava E.S.M. que tem 19 anos e não soube explicar o que fazia ali.
Diante dos fatos, todos foram conduzidos até a Unisp, onde foi registrada a ocorrência.
Eles irão responder por tráfico de entorpecentes, posse irregular de arma de fogo e corrupção de menores.


Fonte: Folha do Sul Online


Compartilhe com seus amigos:
     




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.