FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Segunda-feira, 19 / 08 / 2019
ENERGIA
Cerca de 30 mil moradores ficam sem luz após apagão

Data da notícia: 2019-04-17 19:01:36
Foto: Assessoria/Divulgação
Bairros inteiros ficaram mais de 4 horas sem energia elétrica durante a noite de terça e a madrugada de quarta-feira

Cerca de 30 mil moradores ficaram sem energia elétrica por mais de 34 horas, entre a noite de terça-feira (16) e a madrugada de quarta-feira (17), em Ji-Paraná e região. Segundo a Ceron, empresa gerida pela Energisa, um problema interno em um dos transformadores da Subestação da Eletronorte, no município, interrompeu o abastecimento de energia por algumas vezes em áreas da região central do estado na noite de terça.
Na primeira ocorrência, aproximadamente 13 mil moradores de Ji-Paraná, de Rondominas e da área rural de Presidente Médici, foram afetados por cerca de uma hora. Trinta minutos depois, uma nova interrupção afetou outros 11 mil consumidores em Ji-Paraná.
“O apagão desta terça-feira iniciou às 23 horas e a energia só retornou às 2 horas da madrugada desta quarta-feira”, lembrou a morada Rosana Soares, que também destacou que há dias que o fornecimento de energia elétrica no município vem sofrendo constantes interrupções, causando uma série de prejuízos para empresas e consumidores residenciais.
Nos últimos dias, as falhas no fornecimento se intensificaram, fazendo com que empresas dispensem funcionários e deixando moradores praticamente no escuro durante toda a noite.
De acordo com a Ceron/Energisa, responsável pela distribuição de energia em Rondônia, o problema de distribuição realmente existe, porém, a falha não é nos equipamentos da companhia, mas sim, em transformadores da Eletronorte, que é a responsável pela geração e rebaixamento de energia, que é repassada para que a Ceron possa fazer a distribuição.
O engenheiro elétrico e gerente de manutenção e transmissão de Energia da Ceron/Energisa, Henrique Rodovalho, confirmou o problema na subestação de energia em Ji-Paraná e está cobrando da diretoria de operações da Eletronorte, em Brasília, uma solução do problema e que já reportou a falha para o Operador Nacional do Sistema, para que se tome uma providência, mas que até a manhã desta quarta-feira não havia obtido nenhuma resposta.

Racionamento
“Estamos com um plano de racionamento de energia elétrica em Ji-Paraná e região, com revezamento a cada duas horas, para que nenhum setor fique totalmente sem energia. Nós recebemos a carga de energia da Eletronorte e distribuímos conforme a demanda. Com esse problema nos equipamentos da Eletronorte, estamos recebendo uma carga baixa e fazendo o possível para atender, mas sabemos que não é o suficiente. A situação só será restabelecida quando a Eletronorte fizer o reparo do equipamento que está com problema, porém, apesar de estarmos cobrando a companhia e notificando o Operador Nacional do Sistema, ainda não temos uma resposta, um posicionamento”, disse Rodovalho.
Não há uma previsão rápida de restabelecimento do fornecimento de energia em Ji-Paraná.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
     




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.