FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Segunda-feira, 16 / 09 / 2019
VÔOS EM RONDÔNIA
Sílvia Cristina quer reduzir os custos nas passagens aéreas em Rondônia

Data da notícia: 2019-05-18 11:53:28
Foto: Assessoria/Divulgação
Sílvia destacou que praticamente todos os voos saem lotados de Ji-Paraná

A deputada federal Sílvia Cristina, cobrou incisivamente uma solução para o problema do alto custo das passagens aéreas para o Estado de Rondônia durante reunião da Comissão de Integração Nacional e Desenvolvimento Regional e da Amazônia, que se reuniu na semana passada para discutir os problemas da aviação que são hoje fonte de constantes reclamações.

Depois de lamentar a ausência de representantes das principais companhias aéreas do País à reunião, a deputada Sílvia Cristina lembrou que, “quando eles querem isenção ou incentivos é a este casa de Leis que eles recorrem”. Sílvia lembrou ainda que, nesta questão da aviação, os moradores da Amazônia se sentem desprestigiados, e destacou que, recentemente, fez uma pesquisa e descobriu que é mais barato viajar de Manaus para Nova York do que para a Região Nordeste do Brasil, o que praticamente inviabiliza a quem deva viajar, seja a passeio ou mesmo a trabalho, dentro de seu próprio País.

Sílvia citou ainda o Relatório da ANAC de Janeiro a Março deste ano mostra que houve 243 mil passageiros, ou seja, um aumento de cerca de 46% em relação a 2018. Ou seja, o brasileiro está viajando mais, só que está pagando muito mais também. Sílvia disse ainda que o relatório traz que o preço médio de uma passagem é de R$ 596,08, e ela frisou a todos da comissão que não se lembra de nunca ninguém ter conseguido comprar uma passagem neste valor saindo de Ji-Paraná, em Rondônia. Sílvia ressaltou ainda que atualmente o passageiro é obrigado a pagar por quase tudo, desde a bagagem até mesmo para reservar uma cadeira, apesar de ninguém poder viajar em pé.

Cobrando uma resposta à comunidade, Sílvia encerrou dizendo que é preciso esclarecer porque as passagens são mais caras em Rondônia, já que praticamente todos os voos são lotados, há passageiros, há incremento de verbas, há incentivos, especialmente para as companhias aéreas que de maneira irresponsável não compareceram à audiência naquela Comissão.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
     




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.