FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Segunda-feira, 16 / 09 / 2019
BOCA DE FUMO
PM acaba com mais um comércio de drogas em Ji-Paraná

Data da notícia: 2019-06-04 18:42:55
Foto: Comando190
As mulheres presas na boca de fumo são bem conhecidas no meio policial

Na noite de segunda-feira (3), a Polícia Militar conseguiu fechar mais um comércio de drogas que funcionava em uma casa no residencial Capelasso. Duas apenadas, bem conhecidas no meio policial, são acusadas de vender entorpecentes em plena luz do dia.
De acordo com a polícia, dois jovens foram presos chegando na cidade de Jaru com uma certa quantidade de drogas e um revólver calibre 38. Um deles confessou que comprou o entorpecente em Ji-Paraná e informou o endereço da suposta “Boca de Fumo”.
A PM de Ji-Paraná foi acionada e se deslocou até ao endereço. Ao chegar no local, militares reconheceram a “Boca”, pois a menos de dois meses, foi realizada a apreensão de três armas de fogo que pertenciam a uma facção criminosa.
Lá, após uma busca minuciosa, os PM’s encontraram quase meio quilo de maconha e uma certa quantidade de crack e cocaína. As proprietárias da casa, identificadas como K.P.M. e F.O.M., que possuem extensa ficha policial, assumiram a propriedade da droga, mas negaram o comércio do produto.
Durante os trabalhos policiais, os militares observaram que os dispositivos eletrônicos de rastreamento, as famosas tornozeleiras eletrônicas, das apenadas estavam desligadas e segundo declarações das acusadas, os dispositivos não estavam em funcionamento havia quase dois meses. De acordo com a Central de Monitoramento, hoje existem mais de 20 apenados na mesma situação.
Diante da situação, a dupla recebeu voz de prisão mais uma vez por tráfico de drogas e conduzidas à Unisp.


Fonte: Comando190


Compartilhe com seus amigos:
     




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.