FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Segunda-feira, 19 / 08 / 2019
TEMPERO RONDONIENSE
Festival serve mais de 7 toneladas de tambaqui assado em Brasília

Data da notícia: 2019-08-08 18:32:40
Foto: Assessoria/Divulgação
O governador Marcos Rocha destacou o potencial de Rondônia na criação do pescado

Em menos de três horas, mais de sete mil quilos de tambaqui assados na brasa, totalizando mais de 4 mil bandas do pescado, foram distribuídos ao público que formou filas para receber um kit do pescado com o tempero de Rondônia em troca de um quilo de alimento.
O governador Marcos Rocha (PSL) esteve na abertura do evento, na Esplanada dos Ministérios, acompanhado da ministra da Agricultura, Teresa Cristina, do governador do Distrito Federal, Ibanez Rocha, e outras autoridades. Ele destacou a importância das parcerias para o sucesso do “Festival do Tambaqui em Brasília”.
Supervisionado pelo secretário de Agricultura, Evandro Padovani, desde às 5h da manhã, a equipe de churrasqueiros e garçons se desdobraram para que, no horário previsto, as bandas de tambaquis estivessem prontas para serem servidas. No entendimento do governador do Distrito Federal, Ibanez Rocha, a experiência bem sucedida de Rondônia na produção de tambaqui em cativeiro é um exemplo para a agricultura familiar.
O governador Marcos Rocha enfatizou que, em Rondônia, o tambaqui faz parte da merenda escolar, valorizando, assim, o desenvolvimento do pescado no estado, gerando emprego e renda principalmente aos pequenos e médios piscicultores.
De acordo com o vice-ministro da Agricultura, Marcos Montes, a ação de levar pescado para merenda escolar deverá ser incentivada e colocada em prática em outros estados. “No meu estado, Minas Gerais, o leite faz parte da alimentação dos alunos e por que não usar o peixe?”, questionou o ministro.
A ministra Tereza Cristina relembrou suas origens rurais, elogiando a ação do governo de Rondônia e da Secretaria Nacional de Pesca, na figura do secretário Jorge Seif, que foram os responsáveis pelo sucesso do festival.
Na outra ponta, o governo do Distrito Federal acenou com a possibilidade de que, no próximo ano, a distribuição do pescado rondoniense ocorra novamente em Brasília, ampliando o número de participantes.
No fim, entusiasmado com a repercussão e cobertura da imprensa nacional, o secretário de Agricultura de Rondônia, Evandro Padovani, elogiou a parceria formada com o setor produtivo de pescado no estado.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
     




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.