FALE CONOSCO     |     INTRANET     |      QUEM SOMOS
SIGA O CP       ANUNCIE AQUI

Terça-feira, 22 / 10 / 2019
PLANO DE AÇÃO
Estado se mobiliza para alcançar metas do Consórcio Brasil Central

Data da notícia: 2019-08-13 10:20:06
Foto: Assessoria/Divulgação
Equipe da Sepog discute estratégias para o Plano de Ação com as primeiras sensibilizações municipais

As áreas de saúde, segurança e educação de, ao menos, 29 municípios rondonienses receberão nos próximos meses um pacote de incentivos e iniciativas pontuais do governo estadual. A ação representa uma estratégia para o alcance das metas estabelecidas no âmbito do projeto Aliança Municipal pela Competitividade (AMC), pactuado pelos governadores dos estados que compõem o bloco Brasil Central. Rondônia, que integra o consórcio junto com os estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Tocantins, Maranhão e Distrito Federal.
As ações são sendo articuladas desde março e o Plano de Ação com as primeiras sensibilizações municipais está previsto para iniciar em setembro, conforme o coordenador do programa na Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Sepog), Natan Oliveira, durante reunião com representantes das áreas envolvidas, na quarta-feira (7). O secretário adjunto de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), Hélio Gomes, participou do evento.
Durante a reunião, o coordenador do programa na Sepog, Natan Oliveira, explicou como devem ser conduzidos os trabalhos e como o empenho de todos e os resultados alcançados vão refletir no desenvolvimento de Rondônia. “Não é possível termos um estado forte e os municípios fracos, desta forma a ideia é sensibilizar as prefeituras para que possamos trabalhar o fortalecimento de ações especificas dos municípios, nas áreas estabelecidas no pacto dos governadores, para que o resultado reflita no estado como um todo”, enfatizou o coordenador.
Os desafios que compõem o pacto devem ser superados até 2022. Entre eles estão: aumentar a proporção de crianças na pré-escola; Elevar o IDEB dos anos iniciais da rede pública; reduzir a taxa de mortalidade infantil; e reduzir a taxa de homicídios. Os municípios foram selecionados de acordo com os indicadores científicos de cada tema.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
     




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.