Sexta-feira, 28 / 02 / 2020
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br

PISCICULTURA
Peixe Saudável deve fomentar a cadeia produtiva rondoniense

Data da notícia: 2020-02-10 18:02:22
Foto: Assessoria/Divulgação
O tambaqui é principal pescado produzido cativeiro no estado

A Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri) está trabalhando para implementar o Programa de Sanidade Aquícola, denominado Programa Peixe Saudável, em cumprimento à Instrução Normativa N.º 4, de 4/02/20015, que institui o Programa Nacional de Sanidade de Animais Aquáticos de Cultivo (PNSAA).

O Peixe Saudável é um conjunto de ações desenvolvido pelo governo estadual, em parceria com associações, sociedade civil organizada, cooperativas e universidades, com o objetivo de fomentar a cadeia produtiva de piscicultura, levando ao mercado um peixe saudável e boa qualidade sanitária.

Todas as ações serão coordenadas pela gerência de Aquicultura e Pesca da Seagri e pela Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron).

“A preocupação do estado é desenvolver políticas públicas sanitárias para que a população possa comprar e se alimentar de uma proteína saudável. Esse programa [Peixe Saudável] terá várias ações que serão voltadas para manter o ambiente de produção saudável, tendo como resultado a qualidade da proteína animal, que vai para à mesa do consumidor”, afirmou o técnico responsável pelo projeto Piscicultura da Emater-RO, Elisafan Sales.

A aquisição dos laboratórios móveis coordenada pela Emater, via descentralização de recurso do Fundo de Investimento e de Desenvolvimento Industrial do Estado de Rondônia (Fider), Conselho de Desenvolvimento do Estado de Rondônia (Conder) e Superintendência Estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), está entre as ações desenvolvidas pelo programa, cujas metas é o atendimento especializado ao piscicultor da agricultura familiar em análise de água e de peixes para auxiliá-los na manutenção da qualidade sanitária dos animais mediante adoção de boas práticas de manejo.

Segundo Elisafan Sales, os laboratórios darão suporte ao programa Peixe Saudável com equipamentos, tecnologia avançada e com técnicos já capacitados. “Esse grupo técnico está preparado para orientar os produtores em varias ações, como por exemplo, quarentena de ambiente, origem segura de alevinos, condução, manejo e alimentação segura dos alevinos, despesca e acondicionamento para garantir a segurança de um alimento saudável até a mesa do consumidor”, ressaltou.


Fonte: Secom


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.