Domingo, 24 / 05 / 2020
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


PANDEMIA
Governo deve recontratar profissionais do Mais Médicos

Data da notícia: 2020-05-13 18:27:40
Foto: 20200514-131.jpg
A solicitação foi realizada pelo deputado estadual Jhony Paixão, devido aumento no atendimento

(Da Redação) O deputado estadual Jhony Paixão (Republicanos) protocolou, junto à Secretaria de Saúde do Estado de Rondônia (Sesau) uma indicação parlamentar, solicitando com urgência a recontratação de médicos que atuaram no Programa Mais Médicos, com o objetivo de reforçar o atendimento no período de enfretamento à pandemia do coronavírus.

Apesar do estado estar adotando diversas providências, com intuito de evitar o colapso na saúde, diante do sensível aumento recente da Covid-19 em Rondônia, ainda existe uma grande demanda dos hospitais estaduais e municipais para a contratação de novos médicos para o corpo clínico.

De acordo com o deputado Jhony Paixão, a recontratação de médicos que atuaram no Programa Mais Médicos, criado em 2013 pelo governo federal atenderá especialmente à população desassistida e com mínimo acesso ao atendimento básico de saúde. “Com o aumento da demanda de pacientes contaminados pelo coronavírus no estado, passa a ser fundamental a contratação desse contingente médico, que fará toda a diferença no atendimento dos casos, que não param de aumentar”, afirmou Jhony.

O deputado ainda ressaltou que deverá ser dada prioridade, aos profissionais com especialidades que atendam às necessidades geradas pela pandemia do coronavírus. “Temos uma necessidade real de profissionais que atuem em Medicina Intensiva, Infectologia, Clínica Médica e Atenção Básica. São esses profissionais que indiquei ao governo do estado para que se faça a contratação em caráter de urgência”, salientou.

Por fim, Paixão explicou que os contratos precisarão ser oferecidos a médicos que tenham autorização, a fim de residirem de forma fixa e permanente no país e com domicílio em Rondônia. “Esses médicos já fizeram parte do sistema de saúde do estado e a grande maioria deles ainda mantém residência nos municípios em que atuaram. Temos ocorrências de médicos recém-formados que também podem ser aproveitados. Em todos esses casos, assim que forem efetivados, já poderão atender à população imediatamente”, arrematou o deputado Jhony Paixão. Com informações da Assessoria.


Fonte: Assessoria


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.