] Jornal Correio Popular


Ji-Paraná(RO), 13/04/2021 - 13:27
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


ELIMINADO
Palmeiras perde para o Tigres em estreia no Mundial

Data da notícia: 2021-02-08 18:10:08
Foto: Divulgação
De pênalti, o atacante Gignac marcou o gol que eliminou o Verdão e levou o time mexicano à final da competição

Durou pouco o sonho do Palmeiras em conquistar o título do Mundial de Clubes da Fifa, no Catar. O time paulista perdeu para o Tigres, do México, por 1 a 0, na semifinal da competição e vai disputar apenas do terceiro lugar, contra o Al-Ahly, do Egito.

No domingo (7), oito dias após conquistar o título da Taça Libertadores da América, o técnico português Abel Ferreira entrou em campo com Weverton; Marcos Rocha, Luan, Gustavo Gómez e Viña; Danilo, Zé Rafael, Gabriel Menino e Raphael Veiga; Rony e Luiz Adriano.

O goleiro Weverton foi o grande nome do Palmeiras no primeiro tempo da semifinal do Mundial, fazendo três grandes defesas. Logo aos três minutos, o defensor salvou o Verdão. Após cruzamento, o atacante Carlos González subiu mais alto que a zaga e cabeceou forte, obrigando Weverton a se esticar para evitar o gol.

Antes do intervalo, o camisa 1 do Verdão ainda brilhou em outras duas oportunidades, parando o atacante francês Gignac em dois lances, aos 33 e 36 minutos da primeira etapa.

O Palmeiras teve apenas uma boa oportunidade no ataque, quando Rony chutou forte de fora da área e o goleiro Guzmán espalmou. Na sequência do lance, Gabriel Menino chutou para fora, mas a arbitragem já havia paralisado o lance com a marcação de impedimento.

O balde de água fria na torcida palmeirense veio aos oito minutos do segundo tempo, após o árbitro marcar pênalti em um puxão de Luan no atacante Gonzáles. O francês Gignac cobrou a penalidade e abriu o placar no Estádio Cidade da Educação.

Após o gol, o time Mexicano se fechou e não teve vergonha de retrancar o jogo, fazendo cera em diversos momentos, a fim de retardar a partida. O Palmeiras tentava o empate de todos os modos, porém esbarrava na marcação.

Willian, Gustavo Scarpa e Mayke foram acionados por Abel Ferreira e foram para o jogo. Com a entrada do atacante, o Palmeiras conseguiu até criar boas chances de gol no segundo tempo. A melhor veio aos 31, quando Willian recebeu a bola pela direita e cruzou para Luiz Adriano, que, livre na área, não conseguiu desviar para o gol.

No último lance, aos 51 minutos do segundo tempo, Gustavo Scarpa cobrou o escanteio e o goleiro Weverton, que estava no ataque do Verdão, apareceu para cabecear para fora. Mas já era tarde demais, pouco tempo depois o árbitro apitou pela última vez e o Palmeiras foi eliminado do Mundial de Clubes.

O Palmeiras foi o terceiro time brasileiro a ser eliminado na semifinal do Mundial. O mesmo já havia acontecido com Internacional, em 2010, e Atlético Mineiro, em 2013. Atlético Nacional (2016), da Colômbia, e River Plate (2018), da Argentina, foram outros campeões da Libertadores que não conseguiram chegar à final do Mundial de Clubes.

O Verdão volta a campo nesta quinta-feira (11), ao meio dia, para enfrentar o Al-Ahly, na definição de terceiro e quarto lugar da competição, no Estádio Cidade da Educação, em Doha.

A grande final entre Tigres e Bayern de Munique, da Alemanha, acontece logo em seguida, às 15 horas, também na Cidade da Educação.


Fonte: Marco A. Bernardi


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.