] Jornal Correio Popular
Ji-Paraná(RO), 09/05/2021 - 00:50
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


AGENDA
Governador vai a Brasília para garantir segurança no campo

Data da notícia: 2021-04-30 17:51:42
Foto: Assessoria/Divulgação
Marcos Rocha se reuniu com membros dos órgãos de segurança e afirmou que o crime organizado quer se instalar na região Norte

O governador de Rondônia, Marcos Rocha (sem partido), apresentou nesta semana, em Brasília, ao presidente Jair Bolsonaro, imagens de policiais mortos, trabalhadores executados e torturados, invasão de fazendas, destruição de florestas, roubos e estoque de armamentos de uso exclusivo das Forças Armadas e refino de cocaína por milícias que atuam na invasão de terras no estado.

Na reunião com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, Marcos Rocha apresentou fotos e vídeos da destruição em propriedades rurais e os ataques às forças de segurança por integrantes de grupos armados.

No mesmo encontro, o dossiê foi apresentado ao secretário da Secretaria Especial de Assuntos Fundiários do Ministério da Agricultura, Luiz Antônio Nabhan Garcia.

O governador rondoniense mostrou relatórios da inteligência militar e vídeos do “modus operantis”, incluindo táticas de guerrilhas e o tribunal paralelo, e também do armamento pesado que as organizações criminosas possuem para aterrorizar regiões do estado.

“Ele [Luiz Garcia] se impressionou com as cenas e solicitou a articulação junto aos entes responsáveis pela Segurança Pública. Nabhan tem muito carinho por nosso estado e se sentiu chocado com as incursões aos nossos produtores rondonienses pelos atos criminosos [de milícias] que podem ser sentidos em todo o país”, garantiu o governador.

Durante a agenda em Brasília, Marcos Rocha se reuniu com membros dos principais órgãos de segurança nacional. “Todos, sem exceção, entenderam que a situação é gravíssima, e precisa que uma resolução urgente e articulada contra esse crime organizado que, certamente quer se instalar na região Norte e em todo o Brasil”, assegurou.

De acordo com o governador, serão usadas todas as normas legais para “extirpar” esse tipo de crime que amedrontam as pessoas de bem. “São produtores que acordam com o dia escuro e cuidam de suas lavouras e de seus rebanhos que vão alimentar muitos brasileiros”.


Fonte: Secom


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.