] Jornal Correio Popular


Ji-Paraná(RO), 17/09/2021 - 19:32
JORNAL CORREIO POPULAR DE RONDôNIA - Fone: 69-3421-6853 - E-mail: redacao@correiopopular.com.br


MARATONA
Ultramaratonista rondoniense irá para desafio da América do Sul

Data da notícia: 2021-09-10 18:24:57
Foto: Assessoria/Divulgação
Atleta Manoel Alves é conhecido em Rondônia por disputar grandes distâncias

O corredor Manoel Alves está em reta final de preparação para os 1000 quilômetrosda Ultramaratona da América do Sul que será realizada em Engenheiro Paulo de Frontin, no Rio de Janeiro. A competição acontecerá de 16 a 25 de setembro e terá como regra correr 100 km por dia.

Antes do embarque dele para o Rio de Janeiro, ele contou como está a expectativa para a disputa.

“Então agora é só eu conseguir as coisas que tem que correr atrás, dos patrocinadores e está tudo tranquilo, fisicamente estou bem Graças a Deus. Tô fazendo fisioterapia tudo para recuperação, mais está tudo em condições. A expectativa é trazer de lá a camisa preta com dourado, os quatro dígitos. Isso é o que é mais importante para o meu Estado”, disse.

Para estar pronto na hora da disputa, Alves corre cerca de 10h por dia, em média 50km. Ele acredita que esse desafio será o maior dentre os maiores que ele já enfrentou.

“É uma das provas que é a rainha das ultras, são 1.000 km. Cada dia você tem que correr 100 km. Você correr 105 km melhor ainda. Se cada dia você correr 105, 102 você está lucrando para no último dia correr menos. Porque no último dia é quando você vai definir. Se você está brigando ali entre os 10 primeiros, então você vai estar inteiro, porque senão você vai estar tendo que fazer uma prova muito mais longa”, revelou a estratégia.

O ultramaratonista vive dias de superação todas as vezes que calça os tênis. Em 2018, ele revelou que voltou a correr mesmo diante de um diagnóstico médico que o condenava a nunca mais praticar o esporte.

“Ah você sente que Deus te deu a oportunidade de novo, que Ele te deu uma vida. Então hoje eu corro para ajudar pessoas, minhas preocupações hoje não é ganhar dinheiro, é correr para ganhar dinheiro. É corrida humanitária, corrida do sangue, corrida de plaquetas. Então assim, o que eu puder fazer para ajudar pessoas. Eu vou fazer”.


Fonte: Juan Rodrigues e Lilian Oliveira


Compartilhe com seus amigos:
 




www.correiopopular.com.br
é uma publicação pertencente à EMPRESA JORNALÍSTICA CP DE RONDÔNIA LTDA
2016 - Todos os direitos reservados
Contatos: redacao@correiopopular.net - comercial@correiopopular.com.br - cpredacao@uol.com.br
Telefone: 69-3421-6853.